Logo do blog

Logo do blog

publicidade5

publicidade5

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Aos leitores do blog

O objetivo do blog é criar um espaço de discussão dos acontecimentos políticos de Búzios. Para existir a discussão é fundamental que os leitores façam comentários. Sem eles os textos postados aqui viram textos tradicionais de qualquer jornal - textos que se leem e que se encostam em qualquer canto. O blog-  por ser um ferramenta online- permite uma interação imediata entre o blogueiro e os que acessam o blog. Os próprios leitores do blog podem iniciar uma discussão entre si, independente do administrador. Podem também enviar textos que eu publicarei, como já o fiz.

Visitando as centenas de blogs da nossa querida Região dos Lagos verifico que se fazem poucos comentários às postagens feitas pelos blogueiros. Parece que não se tem ainda o hábito de comentar. Algumas pessoas- que faziam comentários no meu blog antigo do IG- tem me dito que encontram dificuldades para fazê-los no meu blog atual. Compreendo, pois nós da velha guarda encontramos dificuldades em lidar com estas novas ferramentas. Mas um auxílio de qualquer adolescente- eles parecem que já nascem sabendo informática- resolve o problema. Vocês não imaginam como é bom abrir o blog e encontrar um comentário. Isso nos anima a continuar escrevendo. 

228     

A república dos eventos I

Passada a crise- por causa dela não teve festa de aniversário da cidade no ano passado- a república buziana volta a ser o que sempre foi nos dois primeiros mandatos de Mirinho e no único de Toninho: uma república dos eventos. Estão programados 4 shows para as festividades deste ano. Vai começar no dia 12 de novembro com a apresentação da banda TRAZENDO A ARCA, ao custo, para mim, para você e para o povo buziano, de R$ 35.000,00. O nome da banda é bastante sugestivo. 

No dia seguinte, teremos CAPITAL INICIAL por R$ 137.008,00. Eu gosto muito desses valores quebrados. Passa a idéia de valor real. Por que 137 mil e oito reais? Porque não arredondar para 140 mil ou 135 mil? Fica a interrogação: esses oito reais pagam o quê? É o show mais caro. Dá para fazer uma comparação com o preço que cobraram para tocar em Casimiro de Abreu no dia 18 de setembro deste ano. Vamos pesquisar.

No dia 14, se apresenta ELBA RAMALHO. Custo: R$ 61.800,00

A banda ROSA DE SARON encerra a festa no dia 15 de novembro recebendo R$ 43.160,00. 

Total gasto no aniversário da cidade: R$ 276.968,00. Quem paga a conta: eu, você e todos os buzianos.

Observação: se você souber quanto cada uma dessas bandas cobra para se apresentar em outros lugares, por favor nos informe.

227

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Praia do Forno


Ver: "Praia Brava vista do Mirante de João Fernandes"
Ver: "Praia de Geribá (Canto Esquerdo)"
Ver: "Praia de João Fernandinho"
Ver: "Praia de José Gonçalves"
Ver: "Praia de João Fernandes"
Ver: "Praia da Baía Formosa"
Ver: "Praia da Tartaruga III"
Ver: "Praia da Ferradurinha"
Ver: "Praia da Tartaruga II"
Ver: "Praia da Tartaruga I"
Ver: "Praia da Ferradura"
Ver: "Praia da Azedinha"
Ver: "Praia dos Ossos"
Ver: "Praia da Marina"
Ver: "Praia da Azeda"
Ver: "Praia da Foca"
Ver: "Praia Brava"
Ver: "Praia Rasa"


226

Prestações parciais de contas dos candidatos III (Deputado Estadual)

I) A candidata Beth Prata (PSOL) declarou ter gasto até o dia 30/08/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 804,43
Discriminação das despesas:
1) "publicidade por materiais impressos"= R$ 804,43

II) O candidato Chumbinho (PT) declarou ter gasto até o dia 03/09/2010 ( 2ª parcial da prestação de contas) R$ 46.194,00
Discriminação das despesas:
1) "despesa com pessoal"= R$ 35.731,00
2) "publicidade por materiais impressos"= R$ 3.100,00
3) "publicidade por carros de som"= R$ 7.333,00
4) "criação e inclusão de página na internet"= R$ 30,00

III) O candidato Claudio Leitão (PSOL) declarou ter gasto até o dia 29/08/2010 (2ª parcial da prestação de contas)  R$ 7.044,15 
Discriminação das despesas:
1) "locação de bens imóveis"= R$ 800,00
2) "combustíveis e lubrificantes"= R$ 420,30
3) "publicidade por placas, estandartes e faixas"= R$ 1.500,00
4) "publicidade por materiais impressos"= R$ 3.673,85
5) "produção de programa de rádio, televisão ou vídeo"= R$ 350,00
6) "produção de jingles, vinhetas, e slogan"= R$ 300,00

IV) A candidata Delma Jardim (PP) declarou ter gasto até o dia 3/09/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 61.260,60. 
Discriminação das despesas:
1) "locação de bens imóveis"= R$ 940,00
2) "combustíveis e lubrificantes"= R$ 8.500,00
3) "publicidade por placas, estandartes e faixas"= R$ 14.150,00
4) "publicidade por materiais impressos"= R$ 2.597,00
5) "publicidade por carros de som"= R$ 17.000,00
6) "serviços prestados por terceiros"= R$ 17.900,00
7) "diversas a especificar"= R$ 173,60

V) O candidato Emanoel Fernandes (PSC) declarou não ter gasto nada até o dia 3/09/2010 ( 2ª parcial da prestação de contas).

VI) O candidato a deputado estadual pelo PSDB, Fernando do Comilão, declarou ter gasto até o dia 02/09/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 69.676,92 
Discriminação das despesas:
1) "despesa com pessoal"= R$ 25.000,00
2) "locação de bens imóveis"= R$ 3.000,00
3) "combustíveis e lubrificantes"= R$ 9.956,92
4) "publicidade por carros de som"= R$ 6.120,00
5) "serviços prestados por terceiros"= R$ 4.000,00
6) "criação e inclusão de página na internet"= R$ 600,00
7) "locação de veículos"= R$ 21.000,00

VII)  O candidato Froilan Moraes (DEM) declarou ter gasto até o dia 03/09/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 133.945,06.
Discriminação das despesas:
01) "despesa com pessoal"= R$ 6.665,00
02) "impostos, taxas e contribuições"= R$112,68
03) "locação de bens imóveis"= R$ 15.000,00
04) "combustíveis e lubrificantes"= R$ 15.149,36
05) "publicidade por placas, estandartes e faixas"= R$ 17.680,00
06) "publicidade por materiais impressos"= R$ 29.300,00
07) "serviços prestados por terceiros"= R$ 6.887,32
08) "encargos financeiros e taxas bancárias"= R$ 22,70
09) "diversas a especificar"= R$ 445,00
10) "produção de jingles, vinhetas e slogans"= R$ 500,00
11) "criação e inclusão de página na internet"= R$ 3.850,00
12) "locação de veículos"= R$ 38.333,00

VIII)  O candidato Janio Mendes (PDT) declarou ter gasto até o dia 02/09/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 6.910,00.
Discriminação das despesas:
1) "publicidade por materiais impressos"= R$ 6.910,00

IX) O candidato Kiko (PTB) declarou ter gasto até o dia 02/09/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 150,00.
Discriminação das despesas:
1) "publicidade por materiais impressos"= R$ 150,00

X) O candidato Marreco (PRB) declarou ter gasto até o dia 03/09/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 145,00.
Discriminação das despesas:
1)  "combustíveis e lubrificantes"= R$ 110,00
2) "publicidade por materiais impressos"= R$ 35,00

XI)  O candidato Miguel Jeovani (PR) declarou ter gasto até o dia 03/09/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 269.729,11.
Discriminação das despesas:
01) "locação de bens imóveis"= R$ 16.900,16
02) "material de expediente"= R$ 650,00
03) "publicidade por placas, estandartes e faixas"= R$ 45.032,00
04) "publicidade por materiais impressos"= R$ 19.943,25
05) "publicidade por carros de som"= R$ 21.800,00
06) "publicidade por jornais e revistas"= R$ 7.693,70
07) "publicidade por telemarketing"= R$ 3.000,0
08) "serviços prestados por terceiros"= R$ 143.210,00
09) "produção de jingles, vinhetas e slogans"= R$ 2.000,00
10) "pré-instalaçãofísica de comitê de campanha do candidato"= R$ 9.500,00

XII)  A candidata Sandra de Badu (PSC) declarou ter gasto até o dia 03/09/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 14.648,00.
Discriminação das despesas:
1) "despesa com pessoal"= R$ 10.200,00
2) "locação de bens imóveis"= R$ 900,00
3) "combustíveis e lubrificantes"= R$ 950,00
4) "publicidade por placas, estandartes e faixas"= R$ 562,00
5) "publicidade por materiais impressos"= R$ 736,00
6) "produção de jingles, vinhetas e slogans"= R$ 300,00
7) "locação de veículos"= R$ 1.000,00

XIII)  O candidato Valfredo Gordo (PRP) declarou ter gasto até o dia 03/09/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 2.980,00.
Discriminação das despesas:
1) "locação de bens imóveis"= R$ 730,00
2) "combustíveis e lubrificantes"= R$ 1.500,00
3) "publicidade por placas, estandartes e faixas"= R$ 250,00
4) "publicidade por materiais impressos"= R$ 100,00
5) "publicidade por carros de som"= R$ 400,00

225   

Prestações parciais de contas dos candidatos II (Deputado Federal)

I) O candidato Carlos Victor (PSB) declarou ter gasto até o dia 2/9/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 14.440,00.
Discriminação das despesas:
1) "locação/cessão de imóveis"= R$ 2.000,00.
2) "publicidade por placas, estandartes e faixas"= R$ 9.840,00
3) "publicidade por materiais impressos"= R$ 2.350,00
4) "publicidade por jornais e revistas"= R$ 250,00

II) O candidato Dr Paulo Cesar (PR) declarou ter gasto até o dia 03/09/2010 ( 2ª parcial da prestação de contas) R$ 18.096,05.
Discriminação das despesas:
1) "publicidade por placas, estandartes e faixas"= R$ 1.400,00
2) "publicidade por materiais impressos"= R$ 16.695,00
3) " encargos financeiros e taxas bancárias"= R$ 1,05

III) O candidato Bernardo Ariston (PMDB) declarou ter gasto até o dia 02/09/2010 (2ª parcial da prestação de contas)  R$ 116.858,47.
Discriminação das despesas:
1) "serviços prestados por terceiros"= R$ 71.858,47
2) "doações financeiras a outros candidatos e/ou comitês financeiros"= R$ 45.000,00

IV) O candidato Milton do Tia Maluca (PDT) declarou ter gasto até o dia 4/09/2010 (2ª parcial da prestação de contas) R$ 12.307,00.
Discriminação das despesas:
1) "publicidade por placas, estandartes e faixas"= R$ 747,00
2) "publicidade por materiais impressos"= R$ 7.100,00
3) "eventos de promoção de candidatura"= R$ 460,00
4) "cessão ou locação de veículos"= R$ 4.000,00

V) O candidato Juarez Lopes (PV) declarou ter gasto até o dia 3/09/2010 ( 2ª parcial da prestação de contas) R$ 2.750,00.
Discriminação das despesas:
1) "publicidade por materiais impressos"=  R$ 1.600,00
2) "eventos de promoção de candidatura"=  R$ 1.150,00

VI) O candidato Silvan Escapini (PSC) declarou não ter gasto nada até o dia 02/09/2010. 

224      

Prestações parciais de contas dos candidatos I

Desde o ínicio da campanha eleitoral deste ano-  já na primeira semana de julho- estamos cansados de ver pessoas planfetando ou segurando placas, estandartes ou faixas dos diversos candidatos que fazem campanha por nossa Região. Hoje, tanto na Praça Porto Rocha, em Cabo Frio, ou na Praça Santos Dumont, em Búzios, elas formam um enorme batalhão de cabos eleitorais. Há muito tempo que as campanhas se profissionalizaram. Resta muito pouco da antiga militância que fazia campanha eleitoral gratuitamente por acreditar na ideologia do partido e/ou do candidato. Todos sabem que essas pessoas são remuneradas. Recebem por semana pelo "trabalho" realizado, perfazendo, dependendo do candidato, mais ou menos, R$ 500,00 por mês. Mas, misteriosamente- e a justiça eleitoral precisa se atentar para isso- , esse gasto não aparece nas prestações de contas de muitos candidatos.

Pesquisando as prestações parciais de contas (2ª parcial), apresentadas entre o dia 2 e o dia 4 de setembro, dos candidatos da nossa Região, não encontramos, em muitas contas, esses gastos em nenhuma das rubricas de despesas. Nem como "despesas com pessoal" (ítem 2.1 das despesas), nem como "serviços prestados por terceiros" (ítem 2.17). Também é comum não ver nessas prestações parciais nenhuma despesa com "locação de imóveis" (ítem 2.4), "locação de veículos" (ítem 2.32), "combustíveis e lubrificantes" (ítem 2.9), "telefone" (ítem 2.16), "produção de jingles, vinhetas, slogans" (ítem 2.30) e "pré-instalação física de comitê de campanha de candidato" (ítem 2.34), como se fosse possível fazer campanha eleitoral sem realizar esses gastos. Se o TRE quer realmente que a competição eleitoral seja igualitária precisa fiscalizar rigorosamente esses gastos. Caso contrário, teremos uma farsa: os candidatos fingem que prestam contas e o tribunal finge que fiscaliza!

223

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Prefeito pedindo voto para Jânio Mendes

Recebi hoje telefonema do prefeito Mirinho Braga pedindo para eu votar no Jânio e no Sveiter. Fiquei lisonjeado. Não é todo dia que a gente recebe um telefonema do prefeito. Pena não poder atendê-lo. Eu achei que ele soubesse que eu só voto em candidatos do PT. Nesse aspecto, somos parecidos. O prefeito também só vota em candidatos de seu partido, o PDT. Parabenizo-o por isso. A democracia para ser fortalecida precisa de fidelidade partidária. Infelizmente, alguns vereadores de sua base não fazem o mesmo. A propósito, como tenho bina, consegui pegar o número do telemarketing: 1121067550. Não tem problema nenhum. É só não esquecer de pedir para o Jânio colocar o gasto na prestação de contas. Ele anda esquecendo de anotar alguns gastos, porque até agora as despesas apresentadas na segunda parcial da prestação de contas, que se encerrou no dia 2/9/2010, foi de apenas R$ 6.910,00, exclusivamente em "publicidade por materiais impressos". Nenhuma despesa com "pessoal", "locação de imóveis", "combustíveis", "publicidade por placas, estandartes e faixas", "publicidade por carros de som" e "publicidade por jornais e revistas".

Observação: as informações foram retiradas do site do TSE. 

222

Os bens dos candidatos

O Portal IG fez um levantamento do valor total dos bens de todos os candidatos nesta eleição. Como curiosidade publico aqui a relação dos bens dos candidatos da região e daqueles que fazem forte campanha por aqui. O objetivo é que essa lista sirva para os eleitores chequem a veracidade dessas informações. Os valores estão em reais.
Deputado Estadual
1) André Lazaroni (PV) = 47.773,28 ;  2) Beth Prata (PSOL) = 30.000,00
3) Bicho do Pé Já É (PRB) = zero  ;  4) Christino Aureo (PMN) =402.058,87 
5) Chumbinho (PT) = 97.000,00 ; 6) Cida Diogo (PT) = 324.615,00
7) Cidinha Campos (PDT) = 61.028,12 ; 8) Clarissa Garotinho (PR) = 38.010,00
9) Claudio Leitão (PSOL) = 87.680,00 ; 10) Comte (PPS) = 1.926.697,79
11) Cel Ubiratan Angelo (PDT) = 151.009,92 ; 12) Cosme Salles (PMDB) = 1.405.940,80
13) Delma Jardim (PP) = 221.000,00 ; 14) Domingos Brazão (PMDB) = 5.019.953,49
15) Emanoel Fernandes (PSC) = zero ; 16) Fernando do Comilão (PSDB) = 373.000,00
16) Froilan Moraes (DEM) = 771.409,00 ; 17) Jânio Mendes (PDT) = 88.000,00
18) Kiko (PTB) = 62.136,82 ; 19) Marcos Abrahão (PT do B) = zero
20) Marreco (PRB) = 175.967,00 ; 21) Miguel Jeovani (PR) = 4.810.087,89
22) Paulo Melo (PMDB) = 3.400.996,75 ; 23) Sandra de Badu ( PSC) = 5,00
24) Valfredo Gordo (PRP) = zero

Deputado Federal:
1) Alexandre Cardoso (PSB) = 3.251.868,34 ;  2) Arolde de Oliveira (DEM) = 5.401.326,35
3) Bernardo Ariston (PMDB) = 661.406,27 ;  4) Carlos Santana (PT) = 157.800,00
5) Carlos Victor ( PSB) = 629.236,18 ; 6) Chico D'angelo (PT) = 177.194,00
7) Dr. Paulo César ( PR) = zero ;  8) Eduardo Cunha (PMDB) = 1.476.112,00
9) Felipe Bornier (PHS) = 2.422.325,82 ; 10) Garotinho (PR) = 80.000,00
11) Juarez Lopes (PV) = 43.054,09 ; 12) Milton do Tia Maluca (PDT) = 962.523,25
13) Romário (PSB) = 883.632,96 ; 14) Sávio Neves (PP) = zero
15) Sérgio Sveiter (PDT) = 3.189.028,35 ; 16) Silvan Escapini (PSC) = zero
17) Solange Almeida (PMDB) = 326.000,00

Observação: os candidatos que declararam não ter nenhum bem foram destacados com zero em vermelho. A candidata Sandra do Badu declarou ter R$ 5,00. Avaliou todos os seus cinco bens em R$ 1,00 cada um. Duas casas  e um terreno em S. P. da Aldeia, uma casa em Araruama e um automóvel Peugeout 2008. 

221 

Prefeito com minoria na câmara II

Parece que o que eu escrevi em 13 de agosto se confirmou. O prefeito Mirinho Braga só conta com 4 vereadores em sua base. São eles: Joice, Leandro, Messias e Lorram. Pelo menos é o que afirma o Jornal Primeira Hora (JPH) em sua edição de 25/09/2010. Segundo o jornal, o prefeito se reuniu na quarta-feira (22) em seu gabinete com o secretário de saúde e os "vereadores da base governista". Os vereadores Felipe e Joãozinho não são citados. Tudo indica que nem foram convidados para a reunião. A eleição para a presidência da câmara de vereadores já está produzindo seus efeitos.

Ver: "Prefeito com minoria na câmara I"
Ver: "Prefeito com minoria na câmara III"

220

sábado, 25 de setembro de 2010

Condomínio "Charme de Búzios": mais uma obra irregular?

22/09/2010
Proposta ação para verificar regularidade de construção de condomínio em Búzios
"De acordo com uma Ação Civil Pública proposta pelo MPRJ, a construção do Condomínio "Charme de Búzios" violaria a legislação urbanística e, em razão disso, poderá ser interrompida. Localizada em Manguinhos, no Município de Armação dos Búzios, a obra, cuja administração é da Pendotiba Imobiliária Ltda., também estaria com as licenças em situação irregular. A ação do MPRJ foi proposta pela 1ª Promotoria de Tutela Coletiva do Núcleo de Cabo Frio em face da Imobiliária e da Prefeitura de Búzios.
Para a edificação do condomínio, com previsão de construção de 64 casas, a empresa requereu junto ao Município pedido de desmembramento das terras adquiridas, criando uma nova via pública, o que é vedado pela Lei de Parcelamento do Solo. Apesar da ilegalidade, o parcelamento foi aprovado pelo Chefe de Gabinete, Planejamento e Gestão de Búzios, Ruy Ferreira Borba Filho. E, conforme determina o Plano Diretor Municipal, as licenças de obras perderam a eficácia após seis meses, a contar da data das concessões, já que as intervenções não foram iniciadas dentro desse prazo".
As irregularidades embasaram a ação, subscrita pelo Promotor de Justiça André Luiz Farias, que requereu a interrupção imediata do empreendimento, sob pena de multa diária não inferior a R$ 50 mil. "A violação de normas de ordenamento urbanístico leva à impossibilidade de planejamento do crescimento da cidade, bem como contribui para a degradação da qualidade ambiental, o crescimento dos índices de violência e, em última instância, a perda da qualidade de vida da sociedade", declarou Farias.


219

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Blog dos blogs

BlogBlogs.Com.Br

218

Corujas no muro do Clube de Manguinhos

Post 134 do blig
Data da publicação: 8/08/2010 0:00

Corujas no muro do Clube de Manguinhos

134-217

Educação em Búzios

Post 067 do blig
Data da publicação: 31/05/2010 21:27

A secretária de educação e ciência, Carolina Rodrigues, esteve na câmara, na sessão de quinta-feira (20/05), convidada pelos vereadores para falar sobre o Plano Municipal de Educação (PME) e prestar esclarecimentos sobre alguns problemas de sua pasta. Infelizmente os vereadores não se prepararam para o depoimento. Não se quer um vereador especialista em educação, mas um mínimo de preparo anterior para a interlocução com a secretária se fazia necessário. A assessoria existe para isso.

Diferentemente dos vereadores, a secretária se preparou. Com auxílio de data-show apresentou aos vereadores todo o processo de elaboração do Plano Municipal de Educação. Aproveitou ainda para falar de duas questões muito discutidas atualmente: merenda escolar e ajuda aos universitários. No final, os vereadores satisfeitos, inclusive os de oposição, elogiaram a competência da secretária.

Como não poderia deixar de ser, o vereador Felipe Lopes, por ser professor, se mostrou preocupado com a questão da qualidade de nosso ensino. Esta é a questão fundamental. Mas o vereador não questionou a resposta da secretária. Se ele conhecesse os resultados do IDEB (e do ENEM também) de Búzios e de outros municípios, talvez tivesse outra atitude.

Búzios tem problemas seriíssimos na educação. Entre eles a distorção idade-série, o alto índice de reprovação, evasão escolar e o baixo nível de ensino. É este problema – nível do ensino- que nos interessa discutir aqui.

A secretária, respondendo ao vereador Felipe Lopes, disse que o IDEB de Búzios estava na média. Para quem não sabe, o IDEB é o índice que o MEC utiliza para avaliar, de dois em dois anos, a educação básica (ensino fundamental) em todos os 5560 municípios do país. Em cada teste, avalia as turmas dos anos iniciais (1ª a 4ª série) e os anos finais (5ª a 8ª série) do ensino fundamental. A primeira avaliação aconteceu em 2005. Tivemos outra avaliação em 2007. O resultado de 2009 ainda não saiu. A partir da avaliação das escolas é dada uma nota para o município. Búzios teve, em 2005, IDEB igual a 3,9 nos anos iniciais e 3,1 nos anos finais. Em 2007, 4,2 e 3,6 respectivamente.

O problema é que Armação dos Búzios é um município riquíssimo, com PIB de R$ 1,1 bi e renda per capita anual de R$ 47.471,00 (dados do IBGE de 2007) que não pode ser comparado com municípios muito mais pobres do estado. Miguel Pereira, por exemplo, que tem uma renda per capita de R$ 9.417,00, apresenta IDEB igual a 5,1 nos anos iniciais e 5,7 nos anos finais. Búzios, com a punjança econômica que tem, comparado com estes municípios, não pode estar em 46º lugar entre os 88 municípios que participaram da prova do IDEB em 2005 na avaliação dos anos iniciais (1ª a 4ª). A avaliação dos anos finais é pior: Búzios fica em 60º entre os 74 que foram avaliados. O resultado de 2007 foi semelhante.

Essa é a questão fundamental a ser debatida. Como pode um município tão rico ter um desempenho tão médio no IDEB e no ENEM. Algum problema na gestão existe. Temos recursos mais que suficientes para oferecermos educação de qualidade. Por que não a temos?

Sabemos que temos uma série de fatores associados ao bom desempenho das redes municipais tais como liderança, equipe da secretaria municipal de educação, apoio às escolas, gestão escolar, professores e comunidade. Este fator – participação da comunidade na vida da escola- foi abordado pela secretária no seu depoimento. Ela reclamou que os pais não vão à escola. Como a participação da comunidade na vida escolar é um fator importante na melhoria da qualidade da educação, precisamos analisar porque os pais não freqüentam as escolas em Búzios.

Vou arriscar uma resposta. Eles não vão à escola porque não consideram a escola deles. As escolas buzianas não são públicas no sentido republicano, no qual a sociedade tome conta da escola e diga o que espera dela (Lia Scholze, JPH,30/11/04). A escola pública buziana é “estatal” dominada por uma “nomenklatura”. As diretoras (cadê a eleição direta? Está previsto no Plano Municipal de Educação) e sua equipe se consideram donas das escolas e as mantêm fechadas para a comunidade. Ou não é um desperdício uma escola como a João Guelo, que custou tão cara, ficar fechada à noite para uma comunidade tão carente de equipamentos públicos? A escola também não é da juventude. As escolas de Búzios são hostis aos jovens, não tem atrativos para eles. Enquanto os jovens são digitais, a escola teima em ser analógica. Será que a secretária já passou perto de Lans-Houses na Rasa? Quantos jovens que estão ali não poderiam estar nas escolas se elas tivessem laboratórios de informática franqueados para eles?

Vamos abrir nossas escolas à noite e nos finais de semana para a nossa juventude e seus pais, para toda a comunidade. As escolas lhes pertencem. Existe até lei estabelecendo o uso das escolas pela comunidade. É de autoria do presidente da câmara. Mas em Búzios parece que lei não é para ser cumprida.

067-216

Por do sol em Geribá 1

Post 126 do blig
Data da publicação: 26/07/2010



Comentários (2):

j mathiel disse:

LINDO. LEMBREI-ME DE 1993, QUANDO TIVE 1 PEQUENA CASA NA ALDEIA DOS PESCADORES…BONS TEMPOS, COMO DIRIA O COMPANHEIRO WLADIMIR PALMEIRA…SAUDAÇÕES PETISTAS.

2. 09/08/2010 às 20:53
Janine disse:

Maravilhosa a foto! Tô passando por aqui sempre! Beijos!

126-215

Canário no telhado

Post 084 do blig
Data da publicação: 17/06/2010 21:17



084-214

Canto esquerdo de Geribá

Post 124 do blig
Data da publicação: 24/07/2010 22:15




124-213

Praia da Baía Formosa

Post 073 do blig
Data da publicação: 06/06/2010 00:51















Ver: "Praia Brava vista do Mirante de João Fernandes"
Ver: "Praia de Geribá (Canto Esquerdo)"
Ver: "Praia de João Fernandinho"
Ver: "Praia de José Gonçalves"
Ver: "Praia de João Fernandes"
Ver: "Praia da Tartaruga III"
Ver: "Praia da Ferradurinha"
Ver: "Praia da Tartaruga II"
Ver: "Praia da Tartaruga I"
Ver: "Praia da Ferradura"
Ver: "Praia da Azedinha"
Ver: "Praia dos Ossos"
Ver: "Praia da Marina"
Ver: "Praia do Forno"
Ver: "Praia da Azeda"
Ver: "Praia da Foca"
Ver: "Praia Brava"
Ver: "Praia Rasa"




Comentários (2):

1. 06/06/2010 às 4:57
j mathiel disse:

Águas límpidas, vegetação de restinga e casuarinas em pano de fundo…belo quadro…
j mathiel disse:
POR OUTRO LADO, A PRAIA DO FORTE. EM CF, QUE ERA CARTÃO-POSTAL POSITIVO, PASSOU A NEGATIVO, COM O ATUAL DESGOVERNO…

073-212

Praia da Marina

Post 072 do blig
Data da publicação: 04/06/2010 23:56



















Ver: "Praia Brava vista do Mirante de João Fernandes"
Ver: "Praia de Geribá (Canto Esquerdo)"
Ver: "Praia de João Fernandinho"
Ver: "Praia de José Gonçalves"
Ver: "Praia de João Fernandes"
Ver: "Praia da Baía Formosa"
Ver: "Praia da Tartaruga III"
Ver: "Praia da Ferradurinha"
Ver: "Praia da Tartaruga II"
Ver: "Praia da Tartaruga I"
Ver: "Praia da Ferradura"
Ver: "Praia da Azedinha"
Ver: "Praia dos Ossos"
Ver: "Praia do Forno"
Ver: "Praia da Azeda"
Ver: "Praia da Foca"
Ver: "Praia Brava"
Ver: "Praia Rasa"




Comentários (1):

1. 05/06/2010 às 8:31
j mathiel disse:

LINDÍSSIMO…

                                                                                     072-211            

Por do sol na Marina 1

Post 066 do blig
Data da publicação: 30/05/2010 12:17


Ver: "Por do sol em Manguinhos I"
Ver: "Por do sol em manguinhos II"
Ver: "Por do sol em Manguinhos III"
Ver: "Por do sol na Marina 2"
Ver: "Por do sol em Geribá"

Comentários(1):

1. 01/06/2010 às 0:20
jmathiel disse:


A PROPÓSITO, EM 1993, O ATOR MARCOS PAULO ASSISTIA AO POR DO SOL NO ROBSON CRUSOÉ, NA ARMAÇÃO…

066-210

Coruja na minha rua

Post 052 do blig
Data de  publicação: 17/05/2010  20:15


Esta coruja frequenta há muito tempo a minha área. Registro a presença dela e aproveito a oportunidade para mostrar o estado da minha rua. Para poder ficar minimamente transitável em dia de chuva, nós moradores tivemos que fazer uma vaquinha para pagar quatro caminhões de pó de brita. Cada um custou R$ 300,00. Antes da brita, nem o caminhão do lixo passava na rua. Reparem a altura do mato. E estamos na Marina - um bairro considerado nobre, com IPTU caro. Temos governo em Búzios? Mais quatro anos de desgoverno ninguém aguenta.

Comentários (1):

1. 18/05/2010 às 9:53
j mathiel disse:

MEU BAIRRO JARDIM EXCELSIOR, EM CABO FRIO, JUNTO DA PRAIA DAS PALMEIRAS E ATRÁS DO MOTEL, TEM CEMITÉRIO DE CARROS…

Meu comentário atual:

A rua continua na mesma. A coruja - com o frio e o vento- sumiu.

052-209

Praia da Ferradura

Post 038 do blig
Data da publicação: 02/05/2010 23:03




Ver: "Praia Brava vista do Mirante de João Fernandes"
Ver: "Praia de Geribá (Canto Esquerdo)"
Ver: "Praia de João Fernandinho"
Ver: "Praia de José Gonçalves"
Ver: "Praia de João Fernandes"
Ver: "Praia da Baía Formosa"
Ver: "Praia da Tartaruga III"
Ver: "Praia da Ferradurinha"
Ver: "Praia da Tartaruga II"
Ver: "Praia da Tartaruga I"
Ver: "Praia da Azedinha"
Ver: "Praia dos Ossos"
Ver: "Praia da Marina"
Ver: "Praia do Forno"
Ver: "Praia da Azeda"
Ver: "Praia da Foca"
Ver: "Praia Brava"
Ver: "Praia Rasa"



Comentários (2):

1. 03/05/2010 às 9:06
J Mathiel disse:

paradisíaco

2. 03/05/2010 às 18:00
katia Labouré disse:

Oi Luiz,

Vou passar sempre por aqui. Goste4i da diversidade dos assuntos.

038-208

Pássaros namorando no muro da minha casa

Post 032 do blig
Data da publicação: 28/04/2010 19:23



032-207

João Fernandes

Post 027 do blig
Data de publicação: 23/04/2010  23:24



Comentários (1):

1.24/04/2010 às 10:41
j mathiel disse:

LINDO

027-206

Mirante de João Fernandes

Post 026 do blig
Data da publicação: 22/04/2010  23:46


Comentários (1):

1. 24/04/2010 às 3:02
j mathiel disse:

ACESSO PARA JARDINEIRA E MICRO-ÔNIBUS, INCLUSIVE

VENDA DE ARTESANATO

ESTANDO NA PONTA DA PENÍNSULA, PROPORCIONA VISÃO PANORÂMICA DO BALNEÁRIO

026-205

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

De que planeta o Sr. veio, prefeito? V (final)

16) A questão do "resgate moral"
Sobre o assunto o prefeito disse: "Setores que não estão felizes, se sentem assim porque a gente não deixou fazer a coisa 'não republicana'...Eu não estou aqui para resolver problema pessoal de ninguém. estou para resolver o (problema) da maioria. A prioridade é o cidadão". Mais adiante, afirmou que a sua principal obra, nesses quase dois anos de governo, foi o "resgate moral": "Conseguimos resgatar a marca Búzios, o nome Búzios...O resgate da seriedade, do cuidado com o dinheiro público...As leis agora são aplicadas igualmente para todos".

Realmente, na campanha eleitoral, muitos setores esclarecidos do movimento social acreditaram que em um novo governo Mirinho esse resgate pudesse acontecer. Não foi o meu caso. Mas a divulgação de que a prefeitura pretendia gastar R$ 20.000,00 por mês com o amigo Paulo Pereira na limpeza do único banheiro público da cidade provocou um verdadeiro escândalo. A decepção foi muito grande. Uma carta publicada por Amelides Assunção Santos no JPH, de 14/04/2009, portanto, quando o governo nem completara quatro meses, é representativa dessa frustação. Por isso, transcrevo trechos dela. O título é bastante sugestivo: "Mudaram apenas as moscas...".

"Ou a m. transbordou, ou a paciência com este governo acabou... qualquer coisa assim...Nada mudou! Continuaremos vendo na atual administração os descalabros perpetrados na anterior. Isso é um desrespeito aos cidadãos minimamente inteligentes desta cidade. Continuam jogando nosso dinheiro no lixo- no lixo deles- de cada um dos incompetentes ou fantasmas e das empresas contratadas para este tipo de serviço...O que existe é má gestão e desperdício, para não falarmos no beneficiamento aos seus apaniguados".  

204

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

De que planeta o Sr. veio, Prefeito? IV

Continuamos analisando a entrevista dada pelo prefeito Mirinho Braga ao Jornal Primeira Hora do dia 17/09/2010. Na primeira parte, abordamos a questão da imprensa, herança maldita, contas públicas e funcionalismo público. Na segunda parte, falamos da questão da educação, saúde, moralidade, planejamento e plano de governo. Na terceira parte, comentamos as questões de renda e emprego, licitação de transporte público, rodoviária, eleição de presidente da câmara de vereadores e projeto Minha Casa Minha Vida. 

15) A questão das obras públicas.
O prefeito disse: "estamos construindo uma bela sede da secretaria de saúde, do meio ambiente, desenvolvimento social, de planejamento e de obras. Isso para termos melhores serviços. Estamos criando mecanismos para o cidadão ser bem atendido, e para que o funcionário trabalhe bem, tranquilamente."

Em junho de 2010, o Jornal O Perú Molhado (OPM) noticiou que a prefeitura já possuía um projeto para a construção de todo Centro Administrativo em um único local, na Estrada da Usina, onde hoje já existe construído o 1º bloco e o próprio Gabinete do Prefeito. Esse projeto foi elaborado pela Associação de Engenheiros e Arquitetos de Búzios (ENARQ) e custou R$ 70.000,00. Está pronto desde o segundo mandato do atual prefeito. 

Não seria muito mais racional concentrar todas as secretarias em um único centro Administrativo? O cidadão buziano não seria melhor atendido se todas as secretarias ficassem próximas umas das outras? Por que então espalhar vários puxadinhos em diferentes pontos da cidade? Qual a explicação técnica para os puxadinhos? Por que jogar no lixo 70 mil reais gasto no projeto?

O jornal OPM, de 19/06/2010, deu uma explicação. Como não foi contestada pelo governo, a consideramos como verdadeira: "os puxadinhos estão nascendo da necessidade do prefeito de atender aos anseios de seus amigos que precisam de obras, mesmo que não tenham as mínimas condições para fazê-las. Construir o Centro Administrativo em um só local... (requereria) uma concorrência pública a nível nacional... (o que não daria para) direcionar para os amigos, pois as empresas (precisariam) atender à critérios técnicos que certamente os amigos do prefeito não possuem". Eles, os puxadinhos, não passam de "parcelamento descarado de obra pública, visando aquinhoar amigos". 

203    

Projeto de Lei Ficha Limpa I, II, III, IV, V

Projeto de Lei Ficha Limpa I

Post 034 do blig
Data de publicação: 29/04/2010 20:04

O projeto de lei de iniciativa popular- ficha limpa- deve entrar na pauta terça-feira (dia 4 de maio). A votação está marcada para às 19:00 h. Vamos combater a corrupção na política eliminando das eleições candidatos com ficha criminal. A nossa região está cheia deles. Clique no endereço http://www.avaaz.org/po/brasil_ficha_limpa/97.php?cl_tta_sign=3723aab184b5323b2391edf7c666f9d6 e participe da campanha assinando o manifesto a favor do projeto. Ligue também para o seu deputado cobrando dele posição favorável à lei. A meta é atingir 2 milhões de assinaturas. Já estamos quase lá.

O projeto Ficha Limpa já tem seu hino. Ele foi composto por Nelson Motta. Cantado no ritmo de ´Cidade Maravilhosa, a letra diz:

´É hora/ de por pra fora/ nossa opinião/ bandido é pra cadeia/ não é pro Congresso não/ Ficha no lixo/ se lixa pra nós/ suja a democracia/ rouba do povo e compra eleição/ pra não ir para a prisão.

Comentários (2):


1. 01/05/2010 às 4:23
j mathiel disse:

SÓ EM BRASÍLIA SÃO 150…

2. 01/05/2010 às 4:24
j mathiel disse:

EM CABO FRIO, 1 ENTROU PARA LIVRO DOS RÉCORDES…

Projeto de Lei Ficha Limpa II

Nem tudo está perdido

Post 041 do blig
Data da publicação: 05/05/2010 01:59

O projeto ficha limpa foi aprovado com 388 votos favoráveis e 1 voto contra. Na verdade, foi aprovado por unanimidade, porque um deputado votou errado. Alguns líderes partidários (PMDB, PP, PRB e PTB), em manobra protelatória, defenderam não votar o projeto na noite de ontem para que ele voltasse à CCJ, sob o argumento de que precisava ser melhor discutido. Em obstrução, se retiraram do plenário, apostando que não se conseguisse quorum. Antes de se retirarem, apresentaram 12 emendas que serão votadas hoje. Algumas delas tem a capacidade de descaracterizar profundamente o projeto ficha limpa. Isso quer dizer que a luta continua.

Foi um momento histórico. A República Brasileira está em festa. Foram quase 4 milhões de assinaturas – metade em papel e metade em meio digital - provando que quando o povo quer e se mobiliza, ele consegue. A jovem democracia brasileira vai, aos trancos e barrancos, evoluindo.

Se o projeto for aprovado também no Senado antes das convenções partidárias de julho, já vigorará para as eleições deste ano. Como será bom ver uma série enorme de fichas sujas (e seus cabos eleitorais locais) varridos das eleições em nossa querida e maltratada Região dos Lagos!

Comentários (3):

1.05/05/2010 às 4:34
JMathiel disse:

Se precisamos de ficha limpa para, inclusive, ser associado de um clube, é claro que imprescindível… PARA REPRESENTAR CONDIGNAMENTE O ELEITOR…

2. 05/05/2010 às 11:28
Michael disse:

Luiz, no pronunciamento de onteontem do Pedro Simon, a projeto tramitará breve no Senado. No pronunciamento ele propõe aos colegas que a proposta seja aprovada da forma que vier da Câmara. Ele afirma saber que o projeto poderia ser melhorado, até menciona algumas emendas que faria, mas que ressalta ser um avanço enorme haver legislação neste sentido; que já é um enorme ganho para sociedade e que oferecer as emendas seria não atender a sociedade e permitir que a legislação se aplique já nas eleições de outubro. Arthur Virgílio concordou com ele em um aparte.
Michael disse:
Ou seja, me parece que, se depender do Senado, o projeto se aplica já para as próximas eleições.

Tomara né?

3. 05/05/2010 às 11:48
Julio disse:

Ficha Limpa é necessária até para abrir crediário em lojas e sapatarias para depois ser roubado através dos juros abusivos e criminosos praticado por elas.

Deixar de ser representado por condenados já é uma vitória, embora ainda seja muito pouco.

Projeto de Lei Ficha Limpa III

Post 043 do blig
Data de publicação: 05/05/2010 12:51

Deputados rejeitam três emendas que alteram “ficha limpa”; votação continua na próxima semana

Camila Campanerut

Do UOL Notícias

Em Brasília

Os deputados terminaram a sessão extraordinária desta quarta-feira (5) com a promessa de que no próximo dia 11 seja encerrada a votação do projeto “ficha limpa”, que impede a candidatura de políticos com condenações na Justiça. Na madrugada de hoje, o texto-base (PLP 518-2009), de autoria do deputado José Eduardo Cardozo (PT-SP), foi aprovado.

Por falta de quorum, os parlamentares optaram pela obstrução da sessão e não terminaram de votar todas as emendas ao projeto. A primeira sugestão de alteração no texto foi derrubada por consenso: a ideia era aumentar em um ano o período de desincompatibilização de membros do Ministério Público. Por enquanto, a lei permanece como está –eles devem sair apenas seis meses antes do cargo para se candidatar. A segunda e mais polêmica emenda foi excluída por 362 votos a 41. Os parlamentares rejeitaram a emenda do vice-líder do PMDB, Eduardo Cunha (RJ), que pedia a retirada do prazo de inelegibilidade dos políticos, previsto no texto aprovado em oito anos.

Por 377 votos a 2, o terceiro e último destaque da noite era assinado pelo líder do PTB, Jovair Arantes (GO), e pedia a retirada do texto referente à condenação por colegiado (tomada por mais de um juiz). Se fosse aceito, a impossibilidade de se candidatar só seria válida para condenações em ultima instância, sem possibilidade de recurso. Dessa forma, o projeto não mudaria em nada a legislação atual.

Os demais nove destaques serão votados na próxima terça-feira (11) também em sessão extraordinária.

Projeto de Lei Ficha Limpa IV

Post 044 do blig
Data da publicação: 06/05/2010  00:46


Caros amigos,

A Ficha Limpa está por um fio! Deputados contra o projeto de lei, estão organizando uma última tentativa acabar com a Ficha Limpa: eles estão propondo destaques (emendas) para desfigurar completamente o texto. Alguns estão tentando esvaziar o Congresso para que não haja votação!

Precisamos bloquear as linhas telefônicas dos líderes dos partidos que estão propondo os destaques. Precisamos deixar clara a nossa mensagem: “Sem boicotes nem alterações – vote na Ficha Limpa!”. Clique abaixo para ver o telefone dos líderes:

http://www.avaaz.org/po/mobilize_ficha_limpa/?vl

O movimento pela Ficha Limpa já percorreu um longo caminho – a nossa petição com mais de 2 milhões de nomes foi entregue no Congresso Nacional em um ato espetacular que gerou grande atenção da mídia e parlamentares.

Ninguém falou que acabar com a corrupção seria fácil, mas com uma pressão final momentos antes da votação, nós podemos ganhar! Tudo que você precisa falar é “Sem boicotes, nem alterações – vote na Ficha Limpa hoje!” Ligue agora:

http://www.avaaz.org/po/mobilize_ficha_limpa/?vl

Com esperança,
Graziela, Ricken, Alice, Luis, Pascal, Iain, Benjamin, Paul e toda equipe Avaaz
 
Comentários (2):
 
1. 08/05/2010 às 6:35
j mathiel disse:
 
Por falar em ficha limpa, parece que, em Cabo Frio, o final da cidadenovela está próximo…
 
2. 08/05/2010 às 12:16
luiz do PT disse:
 
O problema de Cabo Frio é que sai a criatura e entra o criador. Os métodos de governar são os mesmos. Sai o roto, entra o esfarrapado.

Projeto Ficha Limpa V

Post 047 do blig
Data da publicação: 11/05/2010 17:55

Hoje, terça-feira, dia 11, a Câmara dos Deputados retoma, em sessão extraordinária, a votação dos destaques feitos ao projeto de lei da ficha limpa. Alguns desses destaques podem desfigurar completamente o texto aprovado no dia 5, quarta-feira passada. Deputados favoráveis ao ficha limpa precisam assegurar a presença de 257 parlamentares para manter o substitutivo elaborado pelo deputado José Eduardo Cardoso (PT-SP). Vamos torcer. A moralização da atividade política no Brasil precisa muito desta lei.

Quarenta e três (43) deputados tentaram desfigurar o ficha limpa, votando a favor de mudanças (destaques) que inviabilizariam o projeto. Desses, 18 são do PMDB, 16 do PP, 6 do PR e 3 do PTB. Do Rio de janeiro temos os seguintes deputados: Alexandre Santos (PMDB), Dr Paulo César (PR), Eduardo Cunha (PMDB), Leonardo Picciani (PMDB), Nélson Bornier (PMDB) e Solange Almeida (PMDB). Vamos denunciar o comportamento desses deputados e lutar para que eles não tenham mais nenhum voto em nossa querida Região dos Lagos. Em Búzios, na última eleição, eles tiveram a seguinte votação: Dr Paulo César, 1979 votos; Eduardo Cunha, 150; Solange Almeida, 97; Leonardo Picciani, 44; Alexandre Santos, 18.

Trinta e seis (36) deputados tentaram adiar a votação do projeto ficha limpa: quatorze (14) votaram contra, dezoito (18) entraram em obstrução e 4 se abstiveram de votar. Em obstrução estiveram Dr Paulo César, Leonardo Picciani e Neilton Mulin (PR). Este último, felizmente, não teve nenhum voto em Búzios. Jair Bolsonaro, que também não teve nenhum voto em Búzios, se absteve.

Cinquenta e cinco (55) deputados estavam presentes, mas não votaram. Do Rio de Janeiro: Fernado Lopes (PMDB), Leonardo Picciani e Solange Almeida. Fernando Lopes teve 76 votos em Búzios.

Obs: estas informações foram retiradas do site http://www.congressoemfoco.uol.com.br/ que se baseou na relação divulgada pela Secretaria Geral da Mesa da Câmara dos Deputados.

Comentários (1):

1. 12/05/2010 às 4:27
JMathiel disse:

EM CABO FRIO, 1 ESTÁ NO LIVRO DOS RÉCORDES…

Ver: "Projeto de Lei Ficha Limpa VI"
Ver: "Projeto de Lei Ficha Limpa VII"

034-202
041-202
043-202
044-202
047-202

A Búzios Real

Post 037 do blig
Data da publicação: 01/05/2010 18:56


Vamos inaugurar esta coluna falando um pouco sobre Búzios. Queremos falar daquilo que Búzios é de verdade, não daquilo que vivem afirmando repetidamente que Búzios é. Repetem tanto que a afirmação passa a ter status de verdade. Que Búzios ainda é um paraíso, isso é verdade. Mas também é verdade que os dois governantes que tivemos( eles são muito parecidos administrativamente) contribuíram, e muito, com suas incompetências para estragá-lo. Búzios ainda é um paraíso, apesar de seus governantes, muito em razão da luta de sua sociedade civil organizada. Se não fosse ela, Búzios já teria virado um inferno há muito tempo.

Vamos às mentiras que de tão repetidas viram verdades. Dizem por exemplo, que Búzios é uma das cidades que mais cresce populacionalmente no estado. Já teria mais de 30 mil habitantes. Isso serve para uma série de desculpas dos governantes de plantão. O hospital não consegue atender a todos, e bem, porque a população cresce muito . Ainda têm os moradores dos arredores que vêm para nossa cidade porque nosso atendimento é de “excelência”.

Nossas escolas não conseguem matricular todas as crianças perto de casa porque nossa população cresce assustadoramente. O prefeito anterior usou esse argumento para não instalar a UFF na cidade. Disse, na época, 2005, que a cidade já teria mais de 9000 alunos. O que não é verdade. Em 2008, fechamos com 7680 alunos, aí incluídos alunos da rede pública e privada.

Para desmentir a tal explosão populacional de Búzios, basta dar uma olhadinha nas pesquisas populacionais do IBGE. Na verdade, Búzios tem hoje 28.653 moradores. Seu crescimento populacional, ano a ano, gira em torno de menos de 4%. A cidade cresce mesmo, e muito, é nos anos eleitorais. Explodem eleitores na cidade. Em 2000 – ano eleitoral- a cidade cresceu 10,9 %, passando de 16.923 para 18204 moradores. Em 2004, 7,6%. Em 2008, 12,7%. Números assustadores. A justiça eleitoral precisa urgentemente resolver isso.

Outra mentira que se conta é que a maioria da população é de afro-descendentes. Estes seriam quase 70% da população. Os dados do IBGE desmentem isso. 55,5% da população é considerada branca. 42,9% são afro-descendentes, 0,4% amarelos e 0,6% sem declaração.

Outra verdade muito difundida é que Búzios seria uma cidade de evangélicos. A Associação dos Pastores de Armação dos Búzios (APAB) afirmou que 65% da população buziana é evangélica. Na verdade, temos 42% de católicos, 32% de evangélicos, 21 % sem religião e 5% outras. É verdade que o censo é de 2000. Já são quase 10 anos. Muita coisa deve ter mudado. Entretanto temos que aguardar o censo deste ano para verificarmos quais as modificaçoes que ocorreram nesse quadro.

Búzios, como toda cidade de interior, gosta muito de uma fofoca. Mas fazer fofoca científica é impossível.

OBS: Este texto foi públicado no Jornal Interpress de Cabo Frio desta semana.

037-201

Relação Executivo-Legislativo

Post 050 do blig
Data da publicação: 13/05/2010 19:53

É incrível mas é verdadeiro. No momento em que o executivo está preparando estudos para fazer a licitação do transporte público da cidade, os vereadores da base do governo dizem, em sessão na Câmara, para um plenário lotado de trabalhadores do transporte alternativo, que nada sabem sobre o que se passa no governo sobre o assunto. Os vereadores de oposição não saberem até se compreende. Ser base de sustentação de governo para que? Só para ter uns carguinhos e alguns privilégios? No momento em que está para ser decidido questão crucial para a cidade- não esquecer que o transporte público é um grande fator de exclusão social em nosso município-, os vereadores da base se apequenam demais ao não participarem das discussões internas do governo sobre o assunto. Ser base é para isso. É para decidir o destino do governo junto com o governo. A lei autorizando o prefeito a fazer a licitação já existe (Lei Complementar 21). Ele não precisa mais da câmara. Depois não dá para dizer na cara dos prejudicados, se os houver, que não têm nada com isso, que não participaram de nada. São base do governo, têm tudo a ver.

Comentários (1):

1.14/05/2010 às 5:17
j mathiel disse:

A PROPÓSITO, DEZ EDIS DE CABO FRIO RECEBERAM, CADA UM, RS 5.OOO,00 ( CINCO MIL REAIS ) DO PREFEITO, PARA PASSAREM ALGUNS DIAS EM IGUABA GRANDE, FUGINDO DO OFICIAL DE JUSTIÇA…

050-200

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

De que planeta o Sr. veio, Prefeito? III

Continuamos analisando a entrevista dada pelo prefeito Mirinho Braga ao Jornal Primeira Hora do dia 17/09/2010. Na primeira parte, abordamos a questão da imprensa, herança maldita, contas públicas e funcionalismo público. Na segunda parte, falamos da questão da educação, saúde, moralidade, planejamento e plano de governo.

10) A questão da renda e do emprego.
Numa cidade com tão grande precarização das relações de trabalho, o prefeito fala que as obras de infra-estrutura que vão consumir 30 milhões de reais vão gerar 120 empregos diretos! Isso resolveria o problema do emprego em Marte, mas não o problema do desemprego e sub-emprego da cidade. 
11) A questão da licitação do transporte público.
Mirinho desmente boatos de que o governo estaria priorizando os ônibus em detrimento ao transporte oferecido pelas cooperativas. Depois afirma: "como eu acredito que as empresas de ônibus estão se preparando para participar da licitação, as cooperativas de vans têm que estar preparadas para disputar também". Na afirmação, está implícito que será licitado um único lote. Quem ganhar leva tudo. Agora, o prefeito tem que explicar como é que um anão (vans) vai medir forças com um gigante (empresas de ônibus) em condições de igualdade? Se eu fosse proprietário de van colocaria minhas barbas de molho. Mais adiante diz: "quando a gente faz uma licitação não existe essa história de cartas marcadas. Numa licitação desse porte, o edital é examinado pelo Tribunal de Contas". Prefeito, pode ser que lá em Marte não exista essa história de cartas marcadas, mas aqui na Terra existe e muito. O Tribunal daqui também não é igual ao de lá. Já teve até conselheiro preso por uma operação da Polícia Federal aqui da Terra. Em Marte não deve nem ter polícia, né? 
12) A questão da rodoviária.
O prefeito prometeu construir uma rodoviária em São José. Isto era parte do projeto do governo anterior. Também está incluído aí o loteamento de nada menos que 4 mil lotes na Região da Malhada, na estrada que liga o Centrinho à Rasa? Todos sabem de quem é o loteamento. Em 2004, o próprio Mirinho denunciou que esse loteamento fazia parte do "acordo político entre o prefeito Alair Corrêa e Toninho Branco" (JAB, 28/08/2004). É a famosa Via Azul. Mirinho vai ressuscitá-la agora? 
13) A questão da eleição da presidência da câmara.
"Eu particularmente nunca interferi em eleição de presidente da câmara, e penso que não é sadio para o legislativo". Pode ser que lá em Marte essa interferência não ocorra, mas aqui na Terra, quando um prefeito é eleito com minoria, como o Sr., a primeira coisa que ele faz é cooptar alguns membros da oposição oferendo cargos, às vezes dinheiro e o uso da máquina pública. Em troca, passa-se a votar com o governo. Uma das primeiras votações é a eleição do presidente da câmara ungido pelo prefeito. Isso aqui na Terra. Em Marte, de onde o Sr. deve ser diferente.  
14) A questão do projeto minha casa minha vida
Segundo o prefeito, o projeto é "para atender prioritariamente à demanda dos buzianos que não têm condições de ter a casa própria em Búzios...As unidades serão preferencialmente (para) os servidores públicos e moradores de Búzios. Isso me sensibilizou. Imagina o filho do pescador que não tem condições de construir uma casa em Búzios, com acesso a financiamento subsidiado pelo governo". 
O prefeito esquece de uma coisa. Para o financiamento, o comprador precisa provar renda e isso é uma das coisas mais dificeis na CEF da Terra. Em Búzios, muitos empresários não assinam carteira. Quem fala isso é a Justiça do Trabalho. E quando assina, coloca um valor menor do que o valor real. Basta verificar o grande número de  bolsas para universitários que foram recusadas pela secretaria de educação por falta de comprovante de rendimento dos responsáveis. A mesma coisa ocorreu no Programa ProJovem.   Outra coisa: mais de 50% dos trabalhadores buzianos ganham menos de 3 salários mínimos. Talvez na Caixa de Marte não exista este problema. 

199 

De que planeta o Sr. veio, Prefeito? II

Continuamos analisando a entrevista dada pelo prefeito Mirinho Braga ao Jornal Primeira Hora do dia 17/09/2010. Na primeira parte abordamos a questão da imprensa, herança maldita, contas públicas e funcionalismo público.  

5) A questão da educação.
A fuga da realidade é maior quando o prefeito compara sua administração com a anterior. O sectarismo é tão grande que chega a cegar. Olhe bem o que ele afirma: "em um ano e meio de governo, é claro e certo, que nós já avançamos mais que nos quatro anos do governo passado, em todos os setores e áreas. Isso é facilmente comprovado". Comprovar onde, prefeito? Só se for em Marte. Aqui na Terra, com avaliação isenta do MEC, a educação no governo Toninho era melhor do que no seu governo anterior. Basta olhar as notas do IDEB. E isso não é nenhum elogio ao governo anterior, porque a educação em Búzios, pelos recursos que tem, sempre foi muito ruim.  
6) A questão da saúde.
Sobre a saúde, o atual prefeito parece delirar: "já temos a melhor saúde de toda a região". "O sistema de saúde de Búzios é tão bom que pessoas de outros municípios vêm para terem atendimento, principalmente moradores de Tamoios e Jardim Esperança. Somos 28mil habitantes, mas temos 32 mil pacientes cadastrados no município". Ora, por esse argumento, a saúde no governo de Toninho também era a melhor da região, porque também tinha mais cadastrados que moradores. Foi por isso que eles também fizeram um recadastramento. Não deu em nada por causa da transferências ilegais de títulos de eleitores. Espero que em seu governo, o recadastramento seja pra valer e possa contribuir para acabar com essa transferência ilegal de títulos. E que a saúde seja informatizada logo. E mais delírio: "no governo anterior para se conseguir um exame, um atendimento que fosse, era preciso recorrer a vereadores e cabos eleitorais". O prefeito está muito mal informado sobre as discussões acerca da saúde na câmara. Alguns vereadores, incluindo os de sua base, não cansam de dizer que seus gabinetes vivem cheios de moradores porque estes não conseguem atendimento adequado na saúde de Búzios. Para saber disso, basta o prefeito conversar com o seu líder de governo.
7) A questão da moralidade.
As comparações prosseguem. Na questão da moralidade, o prefeito afirma: "não é ainda o que nós queremos, mas já estamos a milhões de anos à frente do outro, na moralidade, no cuidado com o dinheiro público, na capacidade de planejar e fazer". Como estar à frente da moralidade do outro com uma série de processos por improbidade administrativa (estacionamento, grupo SIM, Construtora Oriente, Construtora Gravatás)  e bens indisponíveis? E as terceirizações questionadas pela Justiça do Trabalho como prejudiciais ao município?  
8) A questão da planejamento.
 E o que foi planejado até agora? Só o Plano de Carreira da Guarda Municipal. Quase a metade do mandato já se foi. Cadê o concurso público, a licitação do transporte público e o Plano de Cargos e Salários do funcionalismo público? Não basta dizer que as coisas estão para sair.  
9)A questão do Plano de Governo.
 Vou listar abaixo algumas das importantes promessas feitas nas eleições que constam do Plano de Governo apresentadas nas eleições de 2008:
Orçamento participativo, trazer um Núcleo da Justiça do Trabalho para Búzios, Banco de empregos, implantar ciclovias no eixo viário principal da cidade, rever o sistema de esgoto, construir a nova rodoviária da cidade, construir abrigos nos pontos de ônibus, licitação do transporte público, criar áreas de estacionamento em todo o município, criar um fundo municipal de meio ambiente para adquirir áreas de interesse ambiental, criar parques ecológicos e áreas de proteção ambiental (Foca, Lagoinha, Olho de Boi, Forno e Forninho, Tartaruga, Lagoa de Geribá, Praia da Gorda e Pai Vitório e Boca da Barra e Poças), ampliar o cais do Centro, instalar o Conselho Municipal de Segurança, viabilizar a instalação de um Posto da Polícia Federal, criar a guarda costeira, construir mais escolas, construir mais creches nos bairros, implantar o projeto de ensino em tempo integral nas escolas do município, criação da universidade do trabalho, criar a escola técnica municipal, construir auditórios nas escolas municipais, distribuição de medicamentos (remédio em casa), programa de assistência domiciliar terapêutico, implantar o Centro de Especialidades Odontológicas, criar o serviço de internação domiciliar, elaborar um calendário de eventos, construir um Centro de Convenções, construir o Centro Municipal de Cultura, resgatar e reeditar o Festival Estudantil de Teatro Eduardo Magalhães, revitalizar o Espaço do Artesão, Construção do Teatro Municipal e da Concha Acústica de Armação dos Búzios, Criação do Caminhão Cultural, criação da galeria buziana de arte, Implantar o programa Casa da Gente, promover a regularização fundiária, construir o Ginásio Municipal Poliesportivo, criação do Centro de Vela em Manguinhos.
Por incrível que pareça, o prefeito afirmou, na entrevista, que "muito do plano de governo, apresentado nas eleições, já está resolvido, sem que se faça alarde , de forma natural". Só resta uma pergunta: De que planeta o Sr, veio, Prefeito?

198