Logo do blog

Logo do blog

publicidade5

publicidade5

sábado, 30 de abril de 2016

Impeachment no Brasil não é chamado de golpe pela imprensa internacional

Arte do Jornal Folha de São Paulo

Dois artigos publicados recentemente na imprensa brasileira (ver abaixo Artigo 1 e Artigo 2) mostram cabalmente que não é verdade que a imprensa internacional vem tratando o impeachment da presidente Dilma como golpe. Para chegar a essa conclusão os dois jornalistas distinguiram o que é opinião do jornal (editorial) de opinião de colunistas contratados para manifestar sua opinião ou de alguém que queira manifestar sua opinião em artigos avulsos assinados. 

No artigo 1 a jornalista Patrícia Campos Mello "avaliou 11 editoriais dos principais veículos de mídia estrangeira". No artigo 2 de Pedro Dória foram avaliados praticamente os mesmos editorias, levando o autor a concluir que "nenhum compra a ideia de que há um golpe em curso". 

1) "Financial Times"
Em editorial de 15 de abril, afirma que falar em golpe é um "exagero", já que o processo é conduzido por um Judiciário independente e está previsto na Constituição.

2) "Le Monde"
Em seu editorial "Brasil: Isto não é um golpe de Estado", afirma que é uma "retórica infeliz" usar a palavra golpe. 

3) "New York Times"
Em editorial de 18 de abril, não julga se o impeachment é legítimo ou não. Diz apenas que o processo não está baseado nas "pedaladas fiscais" e trata-se de um "referendo" sobre o governo Dilma. No texto, o diário concorda que muitos dos legisladores liderando o processo de impeachment são acusados de crimes muito mais sérios do que os imputados à presidente. Mas diz que ela também não pode driblar os questionamentos sobre corrupção.

4) "Washington Post"
Em editorial de 18 de abril, diz que “a presidente brasileira Dilma Rousseff insiste que o impeachment levantado contra ela é um ‘golpe contra a democracia’. Certamente não o é.” A partir daí, desanca tanto o governo Dilma quanto o Congresso Nacional. O único elogio que os editorialistas do “Post” conseguem fazer ao Brasil é que, no fundo, “este é um preço alto a pagar pela manutenção da lei — e, até agora, esta é a única área na qual o Brasil tem ficado mais forte.”

5) "Wall Street Journal"
Publicou várias reportagens sobre a crise política, mas não fez nenhum editorial.

6) "The Economist"
Pediu a saída de Dilma em editorial de 26 de março, "Hora de ir embora", dizendo que a presidente, ao indicar seu antecessor Lula para um ministério, tinha perdido credibilidade. 

Trechos de outro editorial: "Em manifestações diárias, a presidente brasileira Dilma Rousseff e seus aliados chamam a tentativa de impeachment de Golpe de Estado. É uma afirmação emotiva que mexe com pessoas além de seu Partido dos Trabalhadores e mesmo além do Brasil.” (...) “a denúncia de Golpes tem sido parte do kit de propaganda da esquerda.” (...) ” o problema é que Dilma perdeu a capacidade de governar, e, em regimes presidencialistas, quando isso ocorre a crise é sempre grave".

Mas ressaltava que, sem provas de crimes, o impeachment seria apenas pretexto para derrubar uma presidente impopular. 

Editorial de 23 de abril, a revista argumenta que a melhor opção seria a realização de novas eleições.

"Se Rousseff for afastada com base em uma tecnicalidade, Temer terá dificuldades para ser visto como um presidente legítimo."

7) "El País"
Em editorial de 18 de abril, afirma que o processo é baseado em uma "tecnicalidade fiscal", "recorrer a empréstimos de bancos públicos para equilibrar o orçamento", e que a presidente Dilma é a única a não ser acusada de enriquecimento ilícito. Mas não usa a palavra golpe.

8) "The Guardian"
Muita gente tem citado como se fosse opinião do jornal o texto “A razão real pela qual os inimigos de Dilma Rousseff querem seu impeachment”, assinado por David Miranda. Na verdade, não é a opinião do jornal. É a opinião de um cidadão brasileiro.

O “Guardian” manifestou sua opinião no editorial “Uma Tragédia é um Escândalo”, no qual aponta os que considera responsáveis pela crise brasileira atual: “Transformações da economia global, a personalidade da presidente, o PT ter abraçado um sistema de financiamento partidário baseado em corrupção, o escândalo que estourou após as revelações, e uma relação disfuncional entre Executivo e Legislativo”. Sem poupar em momento algum o Congresso ou Eduardo Cunha, em nenhum momento o jornal britânico sequer cita o termo “golpe”.

9) "Miami Herald"
Em editorial recente afirmou: “Os brasileiros não devem se distrair. O crime que trouxe o país abaixo é roubo por parte de quem ocupa cargos públicos. Que sigam atrás dos bandidos e deixem para os eleitores o destino de políticos incompetentes.” Para os editorialistas, a incompetente é Dilma, e bandidos, os políticos envolvidos em corrupção.

10) "Süddeutsche Zeitung"
Em artigo de opinião do correspondente no Brasil Boris Herrmann intitulado "Quase um golpe: o processo contra a presidente é errado", afirma que a palavra golpe não é "necessária nem adequada", mas que o processo tem "contornos golpistas". "A tentativa de se livrar de uma presidente eleita" não é "processo democrático".

11) "Der Spiegel"
Outro correspondente no Brasil, Jens Glüsing, diz: "Partidários de Lula alertam para um 'golpe não tradicional' contra a democracia. Não dá para dizer que essa preocupação seja totalmente descabida", declara. Foi o único a criticar a Operação Lava-Jato, afirmando que “o sucesso subiu à cabeça (do juiz Sérgio) Moro”. 

12) CNN
Há também uma série de manifestações avulsas de opinião. Dentre as mais populares dos blogueiros governistas está a entrevista concedida pelo jornalista americano Glenn Greenwald a Christiane Amanpour, da CNN. Greenwald, que vive no Brasil e é companheiro de David Miranda,  autor de um outro artigo do “Guardian” também muito citado por blogueiros petistas e governistas. À CNN, disse que “plutocratas veem agora uma chance de se livrar do PT por meios antidemocráticos.” Cita, como contexto, o extenso envolvimento de inúmeros deputados, a começar pelo presidente da Câmara, com escândalos de corrupção. Mas, mesmo quando questionado diretamente por Amanpour, evitou o termo “golpe”.

Fonte: Artigo 1 - "Imprensa internacional não chama impeachment de golpe", de Patrícia Campos Melo. (http://m.folha.uol.com.br/poder/2016/04/1765921-imprensa-internacional-nao-chama-impeachment-de-golpe.shtml)

Artigo 2 - "A imprensa estrangeira não vê golpe", de Pedro Dória. (http://oglobo.globo.com/brasil/artigo-imprensa-estrangeira-nao-ve-golpe-por-pedro-doria-19165357#ixzz47DacYfKN) 

Com quem estão os partidos de Búzios? 12 - PR

Consultando a lista oficial de filiados dos partidos de Búzios, enviada ao TRE-RJ no dia 15 último, temos um quadro mais nítido das possíveis coligações partidárias para as próximas eleições de outubro de 2016. 


Partido da PREFEITÁVEL SHIRLEI COUTINHO, de Garotinho e de Toninho Branco.


Filiados: 224

A ex-secretária de Educação do governo Toninho Branco Norma Cristina é a secretária-geral do partido.


MUNICIPAL - ARMAÇÃO DOS BÚZIOS / RJ
PARTIDO DA REPÚBLICA - 22
Comissão Provisória
Dados da Composição
Início da vigência:26/02/2016Fim da vigência indeterminado
CNPJ: 15.660.092/0001-03

Vigente
Data da Constituição:Anotado
Nº do Protocolo:185482016Data do Protocolo:29/02/2016Data da decisão/despacho:01/03/2016
Endereço:
Logradouro:RUA DOS NAMORADOS, 119Complemento:geriba
Bairro:ARMACAO DE BUZIOS
CEP:28.950-000
Telefones:(22)2623-8240Celular:
Fax:
E-mail:shirleicoutinho@uol.com.brMunícipio:ARMAÇÃO DOS BÚZIOS
Site:
Informações
Certidão da Composição
Membros ativos
Membros
NomeCargoResp. Adm.Resp. Fin.InícioFimSituação
ANA MARIA NOGUEIRA DE AZEREDO COUTINHOMEMBRO
-
26/02/2016ATIVO
EDSON RANGEL DE AZEVEDO COUTINHOMEMBRO
-
26/02/2016ATIVO
MICHELE DE OLIVEIRA MENEZESTESOUREIRO
-
26/02/2016ATIVO
NORMA CRISTINA DE SOUZA OLIVEIRASECRETARIO GERAL
-
26/02/2016ATIVO
RAFAEL PINHO RANGELMEMBRO
-
26/02/2016ATIVO
SHIRLEI DENISE NOGUEIRA DE AZEREDO CUNHA COUTINHOPRESIDENTE
-
26/02/2016ATIVO
WILLIAN COUTINHO CARVALHOVICE-PRESIDENTE
-
26/02/2016ATIVO
Quantidade de Membros: 7

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Com quem estão os partidos de Búzios? 11 - PPS

Consultando a lista oficial de filiados dos partidos de Búzios, enviada ao TRE-RJ no dia 15 último, temos um quadro mais nítido das possíveis coligações partidárias para as próximas eleições de outubro de 2016. 


Partido do Gule desde 02/04/2007. Fechado com o PREFEITÁVEL FELIPE LOPES.

Filiados: 97

Fonte: TRE-RJ


MUNICIPAL - ARMAÇÃO DOS BÚZIOS / RJ
PARTIDO POPULAR SOCIALISTA - 23
Comissão Provisória
Dados da Composição
Início da vigência:28/02/2016Fim da vigência:28/08/2016
CNPJ: 06.331.736/0001-29

Vigente
Data da Constituição:Anotado
Nº do Protocolo:196462016Data do Protocolo:01/03/2016Data da decisão/despacho:02/03/2016
Endereço:
Logradouro:RUA ALFREDO SILVAComplemento:337
Bairro:BRAVA
CEP:28.950-000
Telefones:(22)2923-5356Celular:(22)9832-5356
Fax:
E-mail:nandoclemente@hotmail.comMunícipio:ARMAÇÃO DOS BÚZIOS
Site:
Informações
Certidão da Composição
Membros ativos
Membros
NomeCargoResp. Adm.Resp. Fin.InícioFimSituação
CARLOS DE CARVALHO MARQUESPRESIDENTE - DA COMISSÃO PROVISÓRIA
-
-
28/02/201628/08/2016ATIVO
CHARLES PEREIRA MARQUESTESOUREIRO - DA COMISSÃO PROVISÓRIA
-
28/02/201628/08/2016ATIVO
ENÉIAS PEREIRA DA SILVAVICE-PRESIDENTE - DA COMISSÃO PROVISÓRIA
-
-
28/02/201628/08/2016ATIVO
FERNANDA GONCALVES MARQUESMEMBRO - DA COMISSÃO PROVISÓRIA
-
-
28/02/201628/08/2016ATIVO
LUIZ FERNANDO DA SILVA CLEMENTESECRETÁRIO - DA COMISSÃO PROVISÓRIA
-
28/02/201628/08/2016ATIVO
Quantidade de Membros: 5

Com quem estão os partidos de Búzios? 10 - PPL

Consultando a lista oficial de filiados dos partidos de Búzios, enviada ao TRE-RJ no dia 15 último, temos um quadro mais nítido das possíveis coligações partidárias para as próximas eleições de outubro de 2016. 


Partido Pátria e Liberdade (PPL)

Apesar de contar com 15 filiados em Búzios, segundo a última lista entregue ao TSE em 15/04/2016, o partido não tem nenhum órgão partidário registrado no município. Não encontrei nenhum nome conhecido na relação de filiados.

Fonte: TRE-RJ

TCE multa prefeito de Arraial do Cabo e mantém adiado pregão de serviços de pavimentação

Andinho, Prefeito de Arraial do Cabo
O Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ), em sessão plenária desta quinta-feira (28/4), decidiu multar o prefeito de Arraial do Cabo Wanderson Cardoso de Brito em R$ 9.006,90 (3.000 Ufir-RJ) e manter adiado o edital de licitação por pregão presencial para prestação de serviços de pavimentação. O motivo da penalidade foi o não atendimento aos itens determinados pela Corte de Contas em decisões anteriores. Essa é a terceira vez que o processo passa pelo TCE sem que o pregão seja autorizado. O valor estimado do serviço é de R$ 9.784.318,50. A decisão dos conselheiros o TCE-RJ segue o voto do conselheiro-relator Aloysio Neves.

Na primeira decisão, ocorrida na sessão de 15 de dezembro de 2015, o TCE determinou o adiamento da licitação, revisão dos valores, correção de itens divergentes e o atendimento de algumas exigências legais no edital. Como o prazo para resposta foi esgotado e não houve retorno da prefeitura de Arraial do Cabo, a decisão do tribunal foi mantida. Caso o governo municipal revogue ou anule o processo licitatório, o Tribunal de Contas deverá ser avisado.


Fonte: "TCE-RJ"

quinta-feira, 28 de abril de 2016

Com quem estão os partidos de Búzios? 9 - PP

Consultando a lista oficial de filiados dos partidos de Búzios, enviada ao TRE-RJ no dia 15 último, temos um quadro mais nítido das possíveis coligações partidárias para as próximas eleições de outubro de 2016. 


Fechado com o Prefeito ANDRÉ.

Partido do Vereador Henrique Gomes desde 31/10/2001. Henrique é o homem de Dornelles em Búzios. Atualmente governador em exercício, o nome do vice-governador Dornelles apareceu na agenda do ex-diretor da Petrobrás Paulo Roberto Costa apreendida pela Polícia Federal na Operação Lava Jato, indicando possível participação do velho político no esquema de corrupção na Petrobrás. Por falar em Lava Jato, o PP lidera a lista de políticos investigados pela Operação com 32 nomes.   

Da última Comissão Provisória participam alguns funcionários da Câmara de Vereadores  e da Prefeitura, familiares de Henrique Gomes e o Presidente da Associação de Moradores da Vila Verde Vanderliam Rodrigues. 

No mês passado, o partido conquistou os vereadores Lorram, Joice e Messias, passando a deter a maior bancada da Câmara de Vereadores de Búzios. Também arregimentou os ex-vereadores Paulo Pereira e Valmir da Rasa (desfiliou-se em 5/5/2016).

Fonte: TRE-RJ


MUNICIPAL - ARMAÇÃO DOS BÚZIOS / RJ
PARTIDO PROGRESSISTA - 11
Comissão Provisória
Dados da Composição
Início da vigência:01/12/2009Fim da vigência:14/05/2016
CNPJ: 06.253.715/0001-32

Vigente
Data da Constituição:Anotado
Nº do Protocolo:926102009Data do Protocolo:07/12/2009Data da decisão/despacho:09/12/2009
Histórico Orgão Partidário
Tipo de ocorrênciaProtocoloData do protocolo
Prorrogação de Vigencia 75086201101/06/2011 14:38:10
Exclusão de Membro 75086201101/06/2011 14:38:10
Inclusão de Membro 75086201101/06/2011 14:38:10
Prorrogação de Vigencia 182228201130/11/2011 14:18:42
Inclusão de Membro 182228201130/11/2011 14:18:42
Exclusão de Membro 182228201130/11/2011 14:18:42
Prorrogação de Vigencia 52420201204/05/2012 11:54:10
Prorrogação de Vigencia 297104201229/10/2012 17:20:31
Prorrogação de Vigencia 64955201326/04/2013 16:15:55
Prorrogação de Vigencia 158674201324/10/2013 11:35:18
Prorrogação de Vigencia 42255201425/04/2014 14:13:02
Prorrogação de Vigencia 187697201422/10/2014 15:35:41
Inclusão de Membro 187697201422/10/2014 15:35:41
Exclusão de Membro 187697201422/10/2014 15:35:41
Mudança de Endereço 187697201422/10/2014 15:35:41
Prorrogação de Vigencia 68949201526/05/2015 14:52:52
Prorrogação de Vigencia 159638201524/11/2015 16:19:54
Endereço:
Logradouro:AV. JOSE BENTO RIBEIRO, 03Complemento:
Bairro:RASA
CEP:28.950-000
Telefones:(22)2633-9513Celular:
Fax:
E-mail:mariabetina18@hotmail.comMunícipio:ARMAÇÃO DOS BÚZIOS
Site:
Informações
Certidão da Composição
Membros ativos
Membros
NomeCargoResp. Adm.Resp. Fin.InícioFimSituação
BRIGIDA GARCIA SANTANAMEMBRO
-
-
21/10/201414/05/2016ATIVO
ANA MIRIAM DE ARAUJO GUIMARAESMEMBRO
-
-
20/10/201414/05/2016ATIVO
HERCULES ALEXANDRE DE ALMEIDA FERREIRASUPLENTE
-
-
20/10/201414/05/2016ATIVO
ADRIANE GONÇALVESMEMBRO
-
-
31/10/201114/05/2016ATIVO
ECIVAL GOMES RANGELMEMBRO
-
-
31/10/201114/05/2016ATIVO
EDSON SILVASUPLENTE
-
-
31/10/201114/05/2016ATIVO
PAULO FRANÇA CARNEIROSUPLENTE
-
-
31/10/201114/05/2016ATIVO
ADRIANE GONÇALVESSUPLENTE
-
-
01/06/201131/10/2011INATIVO
ANTONIO JOSÉ DOS SANTOSTESOUREIRO
-
-
01/06/201114/05/2016ATIVO
ATHEL ANTUNES FERNANDESMEMBRO
-
-
01/06/201114/05/2016ATIVO
CARLOS HENRIQUE PINTO GOMESPRESIDENTE
-
-
01/06/201114/05/2016ATIVO
CRISALDO ALVES DE OLIVEIRAMEMBRO
-
-
01/06/201114/05/2016ATIVO
ELIAS DE ANDRADE PIMENTELSUPLENTE
-
-
01/06/201118/10/2014INATIVO
FRANCISCO FERREIRA DA SILVATESOUREIRO
-
-
01/06/201131/10/2011INATIVO
GEDECI QUINTANILHASUPLENTE
-
-
01/06/201131/10/2011INATIVO
GETULIO PINTO GOMESMEMBRO
-
-
01/06/201114/05/2016ATIVO
GUSTAVO HERNANDES SALLESMEMBRO
-
-
01/06/201114/05/2016ATIVO
ISAIAS MOURA DE CARVALHOMEMBRO
-
-
01/06/201131/10/2011INATIVO
LUCIANA DA SILVA GOMESMEMBRO
-
-
01/06/201114/05/2016ATIVO
LUCILDA QUINTANILHA DE ASSISSUPLENTE
-
-
01/06/201114/05/2016ATIVO
LUIS CLAUDIO ERNANDES SALLESMEMBRO
-
-
01/06/201131/10/2011INATIVO
MIELE DE ALMEIDA RODRIGUESSUPLENTE
-
-
01/06/201131/10/2011INATIVO
ODAIR DE BRITO FRANCOMEMBRO
-
-
01/06/201118/10/2014INATIVO
PEDRO SIQUEIRA DE SOUZAMEMBRO
-
-
01/06/201114/05/2016ATIVO
REGINALDO DA VERDADEMEMBRO
-
-
01/06/201131/10/2011INATIVO
ROBERTA GOMES DA COSTAMEMBRO
-
-
01/06/201114/05/2016ATIVO
RODRIGO VARELLA FRANCOMEMBRO
-
-
01/06/201118/10/2014INATIVO
VANESSA DOS SANTOS RANELMEMBRO
-
-
01/06/201131/10/2011INATIVO
ADRIANE GONÇALVESMEMBRO
-
-
01/12/200929/05/2010INATIVO
ANTONIO JOSE DOS SANTOSMEMBRO
-
-
01/12/200929/05/2010INATIVO
ELIAS DE ANDRADE PIMENTELMEMBRO
-
-
01/12/200929/05/2010INATIVO
ROBERTO DA COSTA ARAUJOSUPLENTE
-
-
01/12/200914/05/2016ATIVO
VANDERLIAM RODRIGUES DE ALMEIDAMEMBRO
-
-
01/12/200914/05/2016ATIVO
Quantidade de Membros: 33